O Clima de sala de aula e a sua construção – Professores eficazes

imagesC02VSN34

O ambiente de sala de aula é influenciado pelas orientações estabelecidas para o seu funcionamento, pelas características dos alunos e pelos seus elementos físicos. Os professores, muitas vezes, têm pouco controle sobre determinadas questões, tais como a temperatura, tectos e paredes da sala, mas estas questões influenciam significativamente a vida e a gestão das salas. Os professores eficazes, facilmente e com habilidade gerem e organizam a sala de aula, esperando que os alunos contribuam com os seus comportamentos para um clima de sala estimulante e proporcionador das aprendizagens.

Parece prudente dar especial atenção ao clima de sala de aula, dado que ele pode ter um impacto significativo na atitude e aprendizagem dos estudantes. Os professores eficazes “perdem” muito tempo a preparar a sala no início do ano e especialmente no primeiro dia de aulas para organizar o espaço, estabelecer a gestão, e compreender e trabalhar as expectativas dos alunos relativamente ao seu comportamento.

Gestão de sala de aula – este conceito respeita as acções e estratégias mobilizadas pelos professores para resolverem problemas de disciplina nas salas de aula. Os professores eficazes utilizam regras, procedimentos e rotinas para garantir que os alunos estejam activamente envolvidos na aprendizagem. Estes professores ao utilizarem estas estratégias, normas e rotinas não pretendem controlar o comportamento do aluno, mas influenciá-lo e direccioná-lo de uma forma construtiva para definir o “registo” e as coordenadas em que o professor pretende gerir o processo de ensino-aprendizagem.

Organização de sala de aula – centra-se sobre o ambiente físico. Os professores eficazes tornam o ambiente seguro. Colocam, estrategicamente os móveis e as mesas dos alunos e os materiais com o objectivo de optimizar a aprendizagem do aluno e reduzir os estímulos distractivos.

Expectativas sobre o comportamento do aluno – é um elemento chave na elaboração de expectativas por parte dos alunos. Os professores eficazes sabem que o comportamento do aluno não é apenas influenciado pelas regras e suas consequências. Sabem, igualmente, que a componente de maior importância é o desenvolvimento de um clima de sala de aula que influência a forma como os alunos percepcionam o seu ambiente e assumem comportamentos específicos. Assim, os professores eficazes esperam que os alunos ajam de maneira a contribuir para um ambiente de sala de aula positivo.

Gestão de sala de aula

Os professores eficazes criam e mantêm salas de aula focadas no acolhimento amistoso dos alunos que resultam num aumento significativo nas aprendizagens dos estudantes. Estes professores ensinam e ensaiam regras e procedimentos com alunos, antecipam as suas necessidades, possuem um plano para orientar os novos alunos e utilizam instruções claras quando se dirigem aos estudantes. Usam um número mínimo de regras para garantir a segurança e a interacção positiva na sala de aula, e estabelecem rotinas para manter a sala sem problemas. Na verdade, tem-se observado que as competências de gestão de sala de aula são essenciais para que professores e alunos possam trabalhar e obter resultados.

 Regras

Como sabemos, praticamente tudo o que envolve interacções entre as pessoas exige regras. De facto, as regras ajudam a definir comportamentos. Temos, contudo, que ter em atenção que as regras, embora aparentemente fixas, elas sofrem modificações ocasionais no quotidiano de uma sala de aula. No entanto, as normas estabelecem os limites do comportamento, e a consistência da sua implementação é essencial para uma gestão de sala de aula eficaz.

Os professores eficazes têm um número mínimo de regras de sala de aula, e tendem a concentrar-se nas na forma de interagir com os alunos, na manutenção de um ambiente seguro e na participação dos alunos na aprendizagem. Estes professores dão explicações claras das regras.

Muitas vezes, os professores utilizam pistas não-verbais e a proximidade e o redireccionamento para prevenir o mau comportamento. Essas técnicas permitem recentrar o aluno; no entanto, há alturas em que é necessária uma intervenção mais forte. Quando uma regra é quebrada, um professor eficaz é preparado para resolver problemas, mas atenção, na resolução de problemas é de todo indesejável que uma turma inteira sofra consequências negativas quando apenas um ou dois alunos infringiram as regras.

Rotinas

Os procedimentos ou rotinas são formas específicas de fazer as coisas que, na sua maior parte, variam pouco durante o curso do dia ou do ano. As salas de aula exigem, normalmente, muitas rotinas para que o seu funcionamento seja eficaz e eficiente. Por exemplo, as rotinas incluem comumente a forma de entrar e sair da sala de aula, a forma como se faz a chamada, como se intervém, como se utilizam com segurança os materiais, como se despeja o lixo, etc.. Na sua essência, as rotinas moldam o clima de sala de aula.

As rotinas capacitam os alunos a serem mais responsáveis pelo seu próprio comportamento e aprendizagem na sala de aula. Quando surgem problemas de gestão, o professor tem procedimentos para lidar com os conflitos de forma eficiente, justa e consistente. Assim, o resultado destes procedimentos liberta tempo útil para o processo de ensino e aprendizagem.

Organização de sala de aula

A organização e gestão de sala de aula estão interligadas. Enquanto as regras e rotinas influenciam o comportamento do aluno, a organização da sala de aula afecta os elementos físicos da sala, tornando o ambiente mais produtivo e com influência positiva no desempenho dos alunos. A forma de organizar as salas influencia o comportamento dos que nela participam. Por exemplo, acções tão simples como o estabelecimento de locais fixos para os materiais de laboratório, a manutenção de pastas para os alunos guardarem os seus trabalhos, a localização dos materiais, a forma como as secretárias ou mesas estão dispostas, etc.. Enquanto estes procedimentos parecem ter uma importância insignificante eles podem ser componentes essenciais para uma sala de aula sem problemas de funcionamento.

Expectativas do comportamento do aluno

Os professores eficazes têm maiores expectativas relativamente aos comportamentos dos alunos. Nas salas onde existe uma boa gestão e organização os alunos estabelecem facilmente altos níveis de cooperação e são equilibrados nos seus relacionamentos. Os professores eficazes têm expectativas altas em relação aos seus alunos e reforçam os comportamentos desejados com chamadas de atenção verbais e não-verbais. Outra característica dos professores eficazes é que apoiam individualmente e, sempre que necessário, os alunos e utilizam estratégias de intervenção específicas para ajudar os estudantes a aprenderem os comportamentos desejados.

Anúncios

Deixar um comentário.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s