Porque trabalhar os pais em grupo?

Grupo de pais 1Os grupos de pais são um recurso oferecido para reparar os prejuízos causados à função parental. Levam os pais a reflectir sobre as necessidades essenciais de toda a educação. O pensar em colectivo vem reforçar, as crenças que os pais, intuitivamente, já detinham mas que os seus filhos, tão habilmente, são capazes de destruir.
Permitem conter a ansiedade e repor o narcisismo parental danificado.
Falando das dificuldades em grupo, evita-se a individualização das questões que passam a ser do colectivo. O reconhecimento de que a partilha do sofrimento sentido individualmente permite a construção de uma identidade comum, cria o sentimento de pertença ao grupo e promove a confiança de cada um.
Os pais vão gradualmente tomando consciência da generalidade dessas dificuldades educativas e familiares e da diversidade das causas que as explicam: eles compreendem, em grupo,
Podem lutar contra aquilo a que vulgarmente se chama de demissão parental, porem-se a reflectir, a tentar compreender o que provoca as situações de fracasso e a arranjar estratégias para as superar.

Os testemunhos dos pais e a expressão das suas dificuldades provocam nos outros elementos do grupo soluções imaginadas, ou aproximações a situações que eles próprios conhecem ou viveram.

Cada pai do grupo pode participar, aderir, transformar e opor-se; as diferenças que um e outro expressam são tidas em consideração e conduzem a juízos singulares.

Em grupo, os pais encontram coesão sobre a necessidade incontornável de conter e limitar os desejos infantis. Podem, eventualmente viajar para o passado de encontro à sua própria infância e compreender a razão porque lhes é tão difícil dizer um “não” aos filhos. Questionam-se na sua maneira de serem pais em confronto com outras maneiras de o ser.

Os grupos de pais são uma reunião de pessoas onde a solidão, as incertezas, os medos, as dores se podem expressar.

Contudo sabemos bem que os únicos e verdadeiros peritos na educação dos filhos são e serão sempre os seus pais. É urgente que nós, técnicos das áreas das ciências humanas e sociais sejamos capazes de os fazer despertar de novo para o gosto de serem educadores e de os capacitar para o exercício dessa missão.

Advertisements

Deixar um comentário.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s