Parentalidade e ajustamento social do adolescente

is7YXTQ7JXAs variações na relação pais-adolescentes têm implicações no ajustamento do jovem, nomeadamente na sua saúde mental, no rendimento académico e na adaptação social.

Ao queremos compreender a relação entre parentalidade e ajustamento social do adolescente, é importante fazermos a distinção entre estilo parental e práticas parentais.

O estilo parental refere-se ao clima emocional das relações entre pais e filhos, isto é ao contexto afectivo que caracteriza e dá o tom às interacções parentais com os adolescentes.

O clima parental define-se pelas variações na autonomia, harmonia e conflito estimadas em simultâneo.

As práticas parentais traduzem as tentativas orientadas por objectivos que os pais utilizam numa situação particular, tal como quando os adolescentes seguem rituais da moda, ou têm perante o álcool um comportamento de experimentação. Estabelecer um horário de chegada a casa, supervisionar o trabalho de casa, entrar em contacto telefónico com os filhos, durante o dia, são algumas das práticas que os pais podem utilizar.

As práticas educativas assumem um carácter independente dos estilos parentais, o que significa que as mesmas práticas podem ser realizadas num cenário caracterizado por hostilidade e intrusão e num outro, em que o clima é descontraído e divertido. Os contextos onde as práticas se geram podem configurar uma relação emocional estreita e harmoniosa ou, pelo contrário, uma relação distante e agressiva.

A distinção entre estilos e práticas parentais é importante, porque há uma evidência comprovada no facto de as mesmas práticas parentais poderem ter resultados muito diferentes quando implementadas com um estilo ou com outro.

Noutras palavras, é mais importante o contexto emocional em que as práticas ocorrem do que as próprias práticas em si mesmas.

No âmbito dos estilos parentais, a investigação que tem vindo a ser desenvolvida configura fundamentalmente uma abordagem dimensional, em que relaciona a parentalidade e o ajustamento social dos adolescentes, estabelecendo ligações entre o impacto da autonomia no desempenho escolar, os efeitos da harmonia entre pais e adolescentes na auto-estima destes e o impacto do conflito na depressão.

Anúncios

Deixar um comentário.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s