O sentido de pertença e formação de uma comunidade escolar

 images5Z0MT8VY

 

 

 

 

 

 

 

 

Cada sala-de-aula, como toda comunidade, tem a sua própria cultura, valores e regras. As crianças pertencem a muitas comunidades diferentes. Através da construção de uma comunidade em sala-de-aula, os professores criam uma experiência cultural comum e previsível que ajuda as crianças a sentirem-se ligadas umas às outras. Uma comunidade é um lugar onde as pessoas partilham valores, objectivos e actividades comuns. É um lugar onde cada membro assume responsabilidades na execução de determinadas tarefas para que os seus objectivos sejam atingidos. Nas comunidades, os indivíduos não fazem as mesmas coisas ao mesmo tempo, mas os grupos trabalham juntos para atingir objectivos comuns.

É num grupo com estas características que se estabelecem laços sociais e as crianças podem crescer juntas. A comunidade é construída em torno dos interesses comuns, valores e objectivos dos seus membros que conduzem à formação de uma cultura específica, cultura essa que pode mudar de ano para ano, já que as crianças e o educador podem não ser os mesmos: num ano, pode haver um grupo que goste de cantar e no ano a seguir as crianças têm outros interesses que querem trabalhar e desenvolver em conjunto.

Muitos de nós crescemos no tempo em que os bairros eram comunidades que alimentavam as crianças e as famílias. As famílias sabiam que os seus vizinhos partilhavam um sentido de responsabilidade face aos residentes do bairro. Quando as crianças iam jogar ao ar livre, estavam sob o olhar atento de um adulto que não hesitaria em olhar por elas, se os pais não estivessem presentes. Estas comunidades ajudavam as crianças a sentirem-se seguras e promoviam um sentimento de pertença ao grupo e ao bairro. Hoje, as famílias de todas as origens socioeconómicas estão sujeitas a diferentes graus de stress. Um número crescente de crianças vive em famílias monoparentais, ou em famílias em que ambos os pais trabalham. Muitos pais têm, para sobreviver, mais do que um trabalho e resta-lhes pouco tempo para estar com os seus filhos. A televisão tornou-se uma “cuidadora” para muitas crianças que vêm as suas casas vazias. Os pais não se sentem seguros em deixar os seus filhos brincar ao ar livre e na rua.

Como resultado, muitas crianças crescem sem as experiências sociais que iria ajudá-los a desenvolver as habilidades necessárias para uma vida cooperativa. A oportunidade de participar como membro cooperante de uma comunidade é essencial para o bem-estar das crianças e para o seu sucesso académico. Uma comunidade de sala-de-aula permite que os professores atendam as necessidades básicas da criança, promovam a sua capacidade de resistência face às dificuldades, ensinem os valores do respeito e da responsabilidade e fomentem a sua competência social e académica.

 

Advertisements

Deixar um comentário.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s